Novidades | Transmitindo tristeza, Luiz Penido anuncia ao vivo o falecimento de Apolinho em áudio.

| Transmitindo tristeza, Luiz Penido anuncia ao vivo o falecimento de Apolinho em áudio. |

Transmitindo tristeza, Luiz Penido anuncia ao vivo o falecimento de Apolinho em áudio.


REPRODUÇÃO/DIVULGAÇÃO

Compartilhe:



Transmitindo tristeza, Luiz Penido anuncia ao vivo o falecimento de Apolinho em áudio.

A notícia do falecimento de Washington Rodrigues, conhecido como Apolinho, aos 87 anos, surpreendeu a todos na quarta-feira (15/5). Amigos da Rádio Tupi, que transmitiam ao vivo o jogo do Flamengo no Maracanã contra o Bolívar, receberam a notícia quando o time carioca já vencia por 4 a 0 no segundo tempo.

O momento de emoção ocorreu quando o radialista Luiz Penido, aos prantos, anunciou a morte de Apolinho durante a transmissão. Ele ressaltou a importância do amigo, um rubro-negro dedicado, que deixou um legado de mais de 60 anos de carreira no rádio.

Luiz Penido ainda compartilhou que Apolinho faleceu enquanto assistia ao jogo do Flamengo, vendo o time vencer e se classificar. Em meio à dor da perda, prestou uma homenagem emocionante ao amigo, destacando suas qualidades como pessoa, pai, marido, profissional e torcedor apaixonado pelo Flamengo.

Nas redes sociais, fãs e ouvintes lamentaram a partida de Apolinho, lembrando sua trajetória no rádio, sua imparcialidade e sua paixão pelo futebol. Muitos compartilharam memórias de momentos marcantes ouvindo suas narrações ao longo dos anos.

O jornalista Washington Rodrigues, o Apolinho, deixou sua marca nas rádios Globo e Tupi, cativando gerações e conquistando o respeito de ouvintes de todo o Brasil. Sua morte representa a perda de um ícone do rádio esportivo brasileiro, que será lembrado com carinho e saudade por todos aqueles que o acompanharam ao longo de sua longa carreira.

Um renomado jornalista esportivo, conhecido como Apolinho, faleceu durante uma partida de futebol entre Flamengo e Bolívar. Apolinho era um grande fã do Flamengo e chegou a treinar o time em 1995. Ele lutava contra um câncer agressivo e ficou famoso por expressões populares durante suas transmissões, como “Geraldinos e Arquibaldos” e “Pau com formiga”.

Apolinho trabalhou em diversas emissoras de rádio e televisão no Rio de Janeiro e foi reconhecido como um dos maiores repórteres da história do rádio. Ele deixou um legado marcante, incluindo programas na Rádio Tupi e colunas em jornais locais. Tanto a rádio quanto o Flamengo prestaram homenagens emocionadas a ele após seu falecimento.

Carioca do Engenho Novo, Washington Rodrigues nasceu em 1936 e iniciou sua carreira na Rádio Guanabara. Seu apelido, Apolinho, surgiu da época em que usava um microfone sem fio semelhante ao dos astronautas da Missão Apollo 11. Ele era conhecido por sua paixão pelo futebol e por organizar saídas da escola para ir ao Maracanã desde cedo.






Recomendamos


Outras Novidades





Mais Recentes