Novidades | Bebê de 1 ano morre em UPA no DF devido à falta de transporte para leito de UTI

| Bebê de 1 ano morre em UPA no DF devido à falta de transporte para leito de UTI |

Bebê de 1 ano morre em UPA no DF devido à falta de transporte para leito de UTI


REPRODUÇÃO/DIVULGAÇÃO

Compartilhe:



Bebê de 1 ano morre em UPA no DF devido à falta de transporte para leito de UTI

Uma tragédia aconteceu recentemente no Distrito Federal, quando uma criança de apenas 1 ano faleceu enquanto aguardava por um leito de UTI na UPA do Recanto Emas. A família alega negligência no atendimento e o caso está sendo investigado pela 27ª Delegacia de Polícia do Recanto das Emas.

No início da semana, a criança, chamada Enzo Gabriel, foi levada à UBS de Taguatinga devido a dificuldades respiratórias. Um diagnóstico preliminar indicou bronquiolite, pneumonia e asma, resultando na prescrição de um tratamento em casa. Porém, o estado de Enzo se agravou e ele foi encaminhado para a UPA no dia seguinte.

No decorrer do atendimento, Enzo foi diagnosticado com pneumonia avançada e dengue, sendo intubado devido à piora de seu quadro de saúde. Mesmo com a obtenção de um leito de UTI, a falta de transporte resultou na permanência do bebê na UPA durante toda a noite, onde veio a falecer na manhã seguinte.

A família procurou as autoridades policiais para esclarecimentos. O delegado responsável afirmou que o caso será investigado, incluindo depoimentos de testemunhas e a obtenção do relatório médico do laudo cadavérico.

Até o momento de redação deste artigo, não houve retorno por parte da Secretaria de Saúde e do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal, órgãos responsáveis pelas UPAs, em relação ao ocorrido. Estamos abertos para possíveis manifestações e informações adicionais sobre o caso.






Recomendamos


Outras Novidades





Mais Recentes